ENDODONTIA

AGENDE JÁ

Conhecido também por tratamento de canal, consiste na remoção da polpa (presente no interior do dente) infectada, inflamada ou sadia, sendo a mesma substituída por material obturador, após a conclusão o dente deverá ser reabilitado para poder voltar as funções normais. As causas podem ser cárie, traumatismo dentário, doença periodontal (gengiva), necessidade protética, entre outros.

Quais os sintomas de que é necessário um tratamento Endodôntico?

O mais comum é a dor, que pode ser:

Espontânea que aumenta com alimentos quentes e não alivia com uso de analgésicos,bem localizada dando a sensação de “dente crescido” doendo ao mastigar.

Porém, nem sempre quando o dente dói significa que deve ser tratado endodonticamente, como nos casos de dor com gelado e doces que podem indicar carie ou exposição radicular. O contrário também pode acontecer e em alguns casos é indicado tratamento endodôntico sem o dente nunca ter doído como em diagnósticos de infecção (achados radiográficos) ou por necessidade protética.

O tratamento é dolorido?

O uso de anestesia torna o tratamento indolor, em alguns casos, ao passar a anestesia nas primeiras 48 horas o dente pode ficar um pouco dolorido sendo facilmente aliviado com o uso de medicamentos prescritos pelo cirurgião dentista.

Endodontia Taubaté, endodontia tremembé, endodontia sjc, endodontia vale do paraíba, endodontia são josé dos campos, Dentistas Taubaté, Dentistas sjc, Dentistas tremembé, Dentistas vale do paraíba, dentistas são josé dos campos, reali reablitação oral
Endodontia Vale do Paraíba, endodontia, tremembé, endodontia sjc, endodontia taubaté, endodontia são josé dos campos, Dentistas Taubaté, Dentistas sjc, Dentistas tremembé, Dentistas vale do paraíba, dentistas são josé dos campos, reali reablitação oral

Quais os resultados?

O dente não “morre” depois do tratamento endodôntico, pois todo o suporte dele permanece vivo, o inconveniente é que o dente perde o “alarme” que é a polpa, assim se for atacado por cáries não haverá sensibilidade dolorosa passando despercebido , outra questão é que o dente tratado torna-se mais frágil, por esses motivos após o tratamento torna-se necessário visitas periódicas ao dentista.

O tratamento é eficiente?

Sim, porém, em alguns casos necessita retratamento endodôntico que será diagnosticado e avaliado pelo profissional, por isso a importância de um controle clinico e radiográfico após o tratamento.

O que pode acontecer se não tratar?

Se o dente indicado não for tratado endodonticamente, poderá ocorrer uma lesão na região óssea próximo a raiz, podendo gerar dor intensa, inchaço, ou até bacteremia (bactérias na corrente sanguínea), por isso a importância do tratamento.

Como prevenir?

Para evitar doenças da polpa é necessário tratar dos dentes com uma boa higienização bucal , uso correto de fio dental, alimentação balanceada e consultas regulares ao dentista. Pois um sorriso completo e saudável é reflexo de uma vida dental feliz.